Ataque do Boko Haram deixa 16 militares e 8 civis mortos em Camarões Featured

O objetivo dos terroristas é criar um estado governado pela sharia em toda a região do Lago Chade

O governo de Camarões confirmou nesta quarta-feira (12) que um ataque do grupo terrorista Boko Haram deixou 16 militares e oito civis mortos na cidade de Darak, fronteira com a Nigéria.

 

O grupo jihadista atacou na segunda (10) uma instalação do Exército, roubando materiais de informática e armas. Depois eles dispararam contra civis, saquearam lojas e casas que estavam pelo caminho.

 

  • As forças de segurança locais responderam contra-atacando os terroristas e o confronto durou algumas horas, segundo dados da agência EFE.

O Boko Haram tem agido em Camarões e este se tornou o pior ataque desde o começo do ano.

O objetivo dos terroristas é criar um estado governado pela sharia em toda a região do Lago Chade, que compreende o norte da Nigéria e os territórios de Níger, Chade e Camarões.

Rate this item
(0 votes)
Última modificação em Quinta, 13 Junho 2019 22:14

Deixe um comentário em nosso mural

Certifique-se de inserir todas as informações necessárias, indicadas por um asterisco (*). Código HTML não é permitido.

Notícias Recentes

CURTA NOSSA PÁGINA

Imagens Notícias

Candidato(a) a Vereador(a) pagará até R$ 1 mil por divulgação em facebook de Eleitores

Motorista foge e abandona carreta com maconha com quatro toneladas de maconha

Europa tem mais de 250 mil mortes por Covid-19, diz agência

Homem preso com barras de ouro escondidas no ânus

Paraguai divulga regras para a reabertura gradual da Ponte da Amizade

Fronteiras de Pedro Juan e Salto Del Guairá podem continuar fechadas

Coronavírus em Mato Grosso do Sul já ultrapassa 75 mil casos confirmados

Polícia Militar Rodoviária divulga balanço do final de semana

Ação civil por improbidade administrativa pode comprometer candidatura de Ronaldo Franco