Suspeito aguarda horas e executa médico que deixava o plantão com 15 tiros na fronteira Featured

Este é o 7º homicídio só no mês de junho na cidade

O crime aconteceu por volta das 14h, quando o médico entrava em seu veiculo Kia Sorento, cor branca. Ele foi surpreendido por um pistoleiro que pilotava uma motocicleta e realizou 15 disparos de pistola 9mm contra a vitima. José não resistiu e morreu antes de receber atendimento médico.

Testemunhas informaram que o suspeito estava há horas esperando o médico sair do local. De acordo com o site Porã News, investigadores da Divisão de Homicídios e da Polícia Técnica recolheram câmeras de segurança da região, que podem colaborar na identificação do autor. O corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) da cidade.

A direção de Policia Nacional do Paraguai em Pedro Juan Caballero recebeu duras criticas, já que este é o 7º homicídio só no mês de junho na cidade. Pedro Juan recebeu reforço policial que realiza controle na entrada da cidade, mas os bairros ficaram sem policiamento.

Rate this item
(0 votes)

Deixe um comentário em nosso mural

Certifique-se de inserir todas as informações necessárias, indicadas por um asterisco (*). Código HTML não é permitido.

Notícias Recentes

CURTA NOSSA PÁGINA

Imagens Notícias

AGENTES DE FISCALIZAÇÃO DE TRÂNSITO DE PONTA PORÃ PARTICIPAM DE CURSO DE ATUALIZAÇÃO

COMERCIANTE É EXECUTADO EM PONTA PORÃ

Brasil e Venezuela são eleitos para Conselho de Direitos Humanos da ONU

Aneel pode taxar energia solar em 63% e frear produção sustentável do setor

Leilão de energia movimenta R$ 44 bilhões em nove estados

PONTAPORANENSES SÃO ENCAMINHADAS A DELEGACIA DE POLÍCIA AO SER FLAGRADA COM CARGA DE MACONHA

OMS comemora aprovação da primeira vacina contra o ebola

Receita Federal em Ponta Porã destina cem mil reais em mercadorias apreendidas para unidade da APAE